25 de julho de 2014 Tópicos: Editais

Projeto Pensando o Direito contrata 5 consultores de TI

Está aberto até o dia 05/08/14  processo seletivo para contratação de consultores para o Projeto Pensando o Direito, uma iniciativa da Secretaria de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça (SAL/MJ) e do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

São 5 vagas de consultor para contratação na modalidade produto, por meio de Processo Seletivo Simplificado, com as seguintes especificações:

  • Consultor(a) especialista em melhores práticas de arquitetura de software a para identificação das melhores práticas e produção de subsídios para a elaboração de requisitos de arquitetura de software para integração de sistemas de informação da Secretaria de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça, com formação nas áreas de Ciência da Computação, Engenharia da Computação, Sistemas de Informação ou áreas correlatas; Edital 11-2014 / Formulário de Inscrição
  • Consultor(a) especialista em melhores práticas de projeto de software para orientações de projeto de software, dentro das restrições de requisitos, arquitetura e processos, que possam embasar a construção de sistemas de acompanhamento de elaboração normativa do Projeto Pensando o Direito (BRA/07/004), com formação em Ciência da Computação, Engenharia da Computação, Sistemas de Informação ou áreas correlatas.; Edital 12-2014 / Formulário de Inscrição
  • Consultor(a) especialista em melhores práticas de desenvolvimento de sistema de acompanhamento legislativo para analisar componentes de software, sugerir teste de integração de subsistemas de acordo com os padrões adotados para a construção de sistemas de democratização e participação no processo de elaboração normativa, com formação nas áreas de Ciência da Computação, Engenharia da Computação, Sistemas de Informação ou áreas correlatas; Edital 13-2014 / Formulário de Inscrição
  • Consultor(a) especialista em melhores práticas de desenvolvimento de sistema de referência legislativa  para analisar e avaliar a viabilidade de implantação de sistema de referência legislativa visando racionalizar e automatizar processos de trabalho da Secretaria de Assuntos Legislativos, além de promover acesso e democratização das normas de competência do Ministério da Justiça, com formação nas áreas de Ciência da Computação, Engenharia da Computação, Sistemas de Informação ou áreas correlatas; Edital 14-2014 / Formulário de Inscrição
  • Consultor(a) coordenador de produtos de tecnologia da informação (TI) para mapear os processos da Secretaria de Assuntos Legislativos, analisando problemas e propondo soluções, inclusive de gerenciamento, em conjunto com especialistas no assunto, usuários finais e demais consultores do Projeto Pensando o Direito, com formação nas áreas de Ciência da Computação, Engenharia da Computação, Sistemas de Informação ou áreas correlatas; Edital 15-2014 / Formulário de Inscrição

Os editais para o processo seletivo e as informações sobre os formulários eletrônicos de inscrição, com especificação das qualificações mínimas e os critérios de avaliação estão disponíveis nos links acima.

Vídeo sugerido

Conheça o projeto Pensando o Direito

O Projeto Pensando o Direito é uma iniciativa da Secretaria de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça e Cidadania, e foi criado em 2007 para promover a democratização do processo de elaboração legislativa no Brasil. Pesquisas A partir do lançamento de editais para a contratação de equipes de pesquisa, o Projeto mobiliza setores importantes da […]

Pensando o Direito no youtube

8 comentários em “Conheça o projeto Pensando o Direito”

  1. Joseane Rocha disse:
    Quando haverá outra edição do evento?
    Os temas abordados na edição anterior foram muito estimulantes para o investimento em tecnologia da informação e comunicação.
    Joseane Rocha,
    http://www.educamundo.com.br
  2. duda disse:
    Adorei gostaria muito de participar
    De projeto
  3. Thelma Regina da Costa Nunes disse:
    Adorei,gostaria muito de participar desse participar desse projeto.
  4. Maria Sueli Rodrigues de Sousa disse:
    A página do ipea não abre desde ontem que tento. Vcs sabem informar o que está ocorrendo?
    1. Pensando o Direito disse:
      Olá, a página está com um problema técnico. Iremos prorrogar as inscrições.
  5. Antônio Menezes Júnior disse:
    Pesquisa super relevante, muito bem estruturada e indica conclusões interessantes, algumas já conhecidas no cotidiano de muitos que trabalham no ramo, e a algumas questões ainda pouco decifradas. Tive o privilégio de conhecer ao vivo, um conjunto de exposições dos próprios autores, meses atrás. Um extraordinário trabalho e produção de conhecimento. Atrevo-me apenas a sugerir que a pergunta inicial seja diferente da atual, para o futuro, e para reflexão. A pergunta inicial enseja uma relação direta entre alcances de um processo de regularização e os instrumentos jurídico-urbanísticos disponíveis, mas e as pessoas, e o conhecimento em torno deles ??? É sabido que os instrumentos em si não são autônomos, precisam ser conhecidos, discutidos, e sua implementação precisa ser ajustada a cada realidade. Portanto, melhor que a pergunta sugira o que é preciso para os instrumentos jurídico-urbanísticos tenham efetividade na realidade dos municípios.
  6. Roberto disse:
    Esse tipo de evento é realmente muito importante. alem de ser contra a corrupção, promove o desenvolvimento de idéias inovadoras.
    Aguardando pelo próximo evento

    Roberto
    http://metodologiaagil.com

  7. Humberto disse:
    Ótima atitude!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *