- Marco Civil da Internet - http://pensando.mj.gov.br/marcocivil -

Extensão no prazo da guarda de registros de acesso

Postado por jessicaoac em 22 de abril de 2015 @ 16:30 na | 11 Interações

A guarda de informações está ligada a própria privacidades de seus usuários. E a determinação de que os provedores de internet só serão obrigados a fornecer informações dos usuários mediante ordem judicial garante a segurança jurídica das relações na internet, porém, o tempo para que essas informações, registro de acessos e de dados sejam mantidos deveria ser de 1 ano para ambos. Pois são extremamente importantes, e muitas vezes são fundamentais em determinados processos, e até mesmo na apuração de crimes de internet.

A necessidade prevista no art.13,§2º da lei,  de que a autoridade policial, administrativa ou o MP requeiram mediante cautelar o prorrogamento dessa guarda de dados, é desnecessária, pois, caso o período para os provedores de internet manterem essas informações fosse aumentado, para no mínimo 1 ano, não seria necessária uma prorrogação, pois trata-se de um período razoável.


11 Interações (Mostrar | Esconder)

11 Interações para "Extensão no prazo da guarda de registros de acesso"

10 Opniões, 1 Proposta de Encaminhamento

Votação


Pauta impressa de Marco Civil da Internet: http://pensando.mj.gov.br/marcocivil

URL da pauta: http://pensando.mj.gov.br/marcocivil/pauta/extensao-no-prazo-da-guarda-de-registros-de-acesso/